Archive for the Música Category

Top 7 – YOka / Pássaro Imigrante 12″ Ep Limited Vinyl Edition

Posted in Música with tags , , , , , , on outubro 27, 2010 by mel1979

Anúncios

Top 9 – Mike Carrol’s ‘Get The Party Started Playlist’ ( because it’s friday, dear)

Posted in Música with tags , , , on agosto 20, 2010 by mel1979

(Aviso que nem tudo q tá ali é bom…e não dá pra pular a música)

Top 4 – Pharoah Sanders, Anti-Pop Consortium, Airborn Audio + Elo da Corrente = Great August

Posted in Música with tags , , , , , , , , , , , , , on agosto 16, 2010 by mel1979

Top 7 – TAG and JUICE (São Paulo)

Posted in Arte, Design, Música on junho 21, 2010 by mel1979

COM BICICLETAS, ARTE E DESIGN, TAG AND JUICE

TRAZ UM NOVO LIFESTYLE PARA O BRASIL

Espaço  é um mix de loja, galeria de arte, café, revistaria e tabacaria,

no coração de um dos bairros mais charmosos de São Paulo

São Paulo, maio de 2010 – A partir do sábado, 22 de maio, São Paulo vai ganhar uma loja pioneira em estilo e design no Brasil, a Tag and Juice. Criada pelo renomado diretor de arte Billy Castilho e pelo designer Pablo Gallardo, que apostam no fenômeno das Fixed Gear Bikes, a loja vai unir lifestyle, loja e galeria de arte no coração na Vila Madalena. A festa de abertura é destinada a convidados e traz MZK, De Polainas, Zegon e Oitão HCSP, que se revezam no line up das 15h às 20h.

Trata-se de uma antiga residência reformada em um projeto que aplica tijolo, madeira e concreto, estabelecendo um diálogo com a proposta do espaço: unir bicicletas vintage à cultura urbana, além de ser uma área de convivência para quem transita pela região. A Tag and Juice se fixará no local conhecido como Beco do Batman – uma rua estreita, inteira coberta por grafites, verdadeiro ponto turístico e exemplo de arte pública.


A idéia por trás da Tag and Juice surgiu a partir das Fixed Gear Bikes. O conceito é simples: em uma bicicleta normal, você pode incluir marchas, amortecedores e diversos componentes. As também conhecidas como Fixies vão pelo caminho contrário. Os elementos são removidos até o máximo do minimalismo, tendo como preocupação primordial simplesmente a estética e a dirigibilidade.

Por conta da facilidade de manutenção e com estilo considerado vintage, as Fixed Gear Bikes foram, inicialmente, utilizadas para pistas de corrida de circuitos ovais. Adaptadas à vida urbana, as Fixies aparecem como sinônimo de estilo de vida de cultura urbana associada a design. Surgido na Califórnia (EUA) no início dos anos 2000 e adotado por jovens de países como Austrália, Reino Unido e, agora, o Brasil, esse lifestyle carrega um movimento maior pela mobilidade urbana, com responsabilidade e praticidade. “A bike deve ser encarada não só como um meio de lazer ou de transporte, mas como um estilo de vida que resulta na mudança de pensamento em prol do planeta”, concordam os sócios da loja.

A Tag and Juice é, antes de mais nada, um lugar para que os clientes encomendem bikes totalmente personalizadas, fixas ou não, de acordo com o gosto, a necessidade e a ergonomia de cada pessoa. “Uma fixed bike é uma peça exclusiva, feita sob medida para a pessoa, de acordo com sua função – seja para corrida, freestyle, uso diário ou passeio, com opcionais de freios, tamanho e dimensões”, afirma Gallardo.

Para auxiliar os adeptos do esporte, a Tag and Juice recebe encomendas feitas na própria loja, em São Paulo, ou no resto do país, por email, mas os clientes também poderão encontrar produtos e acessórios ligados ao esporte, além de mochilas, bolsas e camisetas. “Aqui o cliente pode ver e tocar o material, conhecer os modelos e escolher aquele que melhor se adapta às suas vontades, mesmo que seja uma bicicleta convencional, com marchas e acessórios, mas que siga a estética clean das fixed”, avisa o designer.

Arte e Design

Se as Fixies estão na essência da Tag and Juice, artes e design também fazem parte do conceito que envolve esse lifestyle. Dentro da loja, uma área de 3x3m abriga exposições e instalações de artistas nacionais e internacionais ligados à cultura urbana. “As exposições vão estabelecer a conexão arte, design e a percepção da dinâmica e geografia que as bikes Fixed Gear proporcionam nas cidades pelo mundo”, afirma Billy. Sob o nome de Galeria Tag, o espaço abrirá com a exposição Painkiller, de 2501, como é conhecido o artista italiano Iacopo Ceccarelli, que vive entre Milão, Berlin e São Paulo e tem exibido sua street art em galerias do mundo todo. As exposições na Tag Gallery serão bimestrais. Essa, segue até 03 de julho de 2010.

Móveis utilitários e objetos de design concebidos por artistas como Tim Chais, Marina Zumi, Ted Benvenuti, Fábio D’élia, Igor Mariwaki e Paulo Ito, também estarão à venda na Tag and Juice.

Café  e Tabacaria

A área externa, na frente da casa, abriga duas grandes mesas de madeira maciça de 2,6×0,8m que convidam para um happy hour coletivo em clima de integração com a cidade, além da vista para as pinturas do Beco do Batman. No interior da casa, uma mesa para 6 pessoas oferece um clima mais intimista. Produtos de tabacaria também estarão disponíveis.


Para acompanhar o ambiente – ou para quem procura publicações especializadas -, livros, revistas nacionais e importadas em edições limitadas, fanzines e DVDs de arte e cultura também estão à venda no espaço. Dentre os títulos à venda, estão revistas como Cog, Fixed Magazine, Fixé, Juxtapoz, Frame, Elephant, IDN Magazine, além de DVDs como Death Pedal e Revival.

Sobre Billy Castilho

Hoje um renomado profissional de arte e publicidade, Billy Castilho estudou Arquitetura e Urbanismo na Faculdade Belas Artes de SP, mas trocou o diploma no 10º semestre pelo curso de Teatro do grupo “Asdrubal Trouxe o Trombone”, onde se interessou por cenografia e Direção de Arte. No cinema, foi diretor de arte do longa-metragem “Como fazer um filme de amor” de José Roberto Torero.


Em 1992 criou seu próprio estudio de Criação e Direção de Arte, com clientes como Puma, Ambev, The Pilates Studio, O2 Filmes e Conspiração Filmes, entre outros. Billy Castilho e seu Estúdio Senhora Olga (http://www.senhoraolga.com.br), fazem curadoria e a conexão entre a Street Art e as várias mídias de comunicação. Os artistas que trabalham com Billy Castilho se comunicam através do Design, Grafite e Web.


Sobre Pablo Gallardo

Formado em Comunicação, Pablo vem trabalhando com edição de vídeo, pós-produção, web e multimídia desde 1995, sempre envolvido com computação gráfica,

Em 2003, criou e implantou o departamento de motion design (RDigital) no então recém criado grupo Mixer, onde trabalhou como Diretor de Criação responsável por coordenar  e produzir vários projetos para TV e identidade visual de programas como Mothern, Mesa pra Dois, GNT Fashion, Circo do Edgard e Rally dos Sertões, entre outros.

Entusiasta do estilo de vida urbano, é também um adepto das Fixed Gear bikes e do Bike Polo (jogo de Polo em que bicicletas são usadas no lugar de cavalos) e está sempre em busca de meios para compartilhar experiências relacionadas ao design, artes e a cultura urbana. Hoje, é a alma do Juice Studio (www.juicestudio.com.br), onde atua como Diretor de Arte/Motion Designer.

TAG AND JUICELifestyle Shop & Gallery

Rua Gonçalo Afonso, 99 – Vila Madalena

Tel.: (55 11) 2362-6888 / 2362-5888

Horários de Funcionamento: terça-feira a sábado, das 10hs até 20hs

Wi-fi grátis

Cartões: VISA e MASTERCARD (débito/crédito)

Entrada livre e gratuita

www.tagandjuice.com.br

www.tagandjuice.com.br/blog

Assessoria de imprensa Tag and Juice

Cartaz Comunicação

Leandro Matulja e Sandra Calvi

www.agenciacartaz.com.br

Informações para Imprensa:

Maurício Sacramento

(+55 11) 3871-3030 – ramal 217

mauricio@agenciacartaz.com.br

( OBRIGADA ALE! To super envergonhada, te devo uma visita!)

Top 2 – The Reed Space

Posted in Design, Música with tags , , , , , on junho 21, 2010 by mel1979

Top 7 – Let’s Party

Posted in Música with tags , , , , , , , , , , , , , , , , on junho 2, 2010 by mel1979

Chaka convida Dj Magrão, Massarock e Lurdez da Luz

Top 9 – You and me on a Jamboree: Old School Jamaican Music

Posted in Música with tags , , , , , , , , , on maio 28, 2010 by mel1979

Thanks thanks again, Marco!